quinta-feira, 26 de abril de 2012

POPULAÇÃO DA OCEANIA

A Oceania é o continente menos povoado do mundo, à exceção da Antártica. A população autóctone é constituída por australóides, melanésios, papuas e polinésios. Os australóides, pouco numerosos frente à população branca, de origem majoritariamente anglo-saxônica, concentram-se nos territórios do norte da Austrália e têm traços raciais bem característicos, como a projeção anormal dos maxilares e a proeminência dos arcos superciliares.
Os melanésios e papuas formam o principal núcleo do grande grupo de negros da Oceania. Os primeiros, denominados negritos, são de baixa estatura e vivem em certos pontos do interior da Nova Guiné e ilhas Salomão, assim como nas Filipinas e na Malásia. Os outros, mais numerosos, são os negros oceânicos, dentre os quais se podem distinguir os melanésios propriamente ditos, de cabelo encarapinhado e dolicocéfalos, e os papuas, de cabelos ondulados e menos dolicocéfalos.
Os papuas não formam a totalidade dos povos da Nova Guiné, onde há também muitos melanésios, mas são encontrados também em Vanuatu. Os polinésios têm pele mais clara, cabelos ondulados ou lisos, e habitam o Havaí, Taiti, Samoa e Nova Zelândia (maoris).
A população de origem européia predomina na Austrália e na Nova Zelândia, e é numerosa no Havaí, na Nova Caledônia e em Papua-Nova Guiné. Os japoneses constituem uma elevada porcentagem da população do Havaí, e os descendentes de naturais do Hindustão são majoritários em Fidji. Outros povos asiáticos, sobretudo chineses, também participam da composição étnica das ilhas da Oceania.
Fonte: Enciclopédia Barsa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário