terça-feira, 24 de abril de 2012

PARQUES URBANOS


Os parques são definidos pela Enciclopédia Portuguesa e Brasileira como: terreno de certa extensão, murado ou vedado, em que há arvoredo abundante e onde se passeia ou caça. No entanto, em outras definições, como a dada por KLIASS: “Os parques urbanos são espaços públicos com dimensões significativas e predominância de elementos naturais, principalmente, cobertura vegetal, destinados a recreação”, não sendo determinante, portanto, a característica de “murado, ou vedado” como na enciclopédia citada.
Ainda podemos considerar uma terceira forma de parques, a criada pela lei do SNUC (Sistema Nacional de Unidades de Conservação, Lei N.º 9.985/00) segundo a qual pode ser instituído como Unidade de Conservação (UC) de proteção integral e, portanto, de uso restrito: o “Parque Nacional” que, quando criado pelo Município é denominado “Parque Municipal”. Podendo, também, ser em perímetro urbano.
A característica em que todos concordam é que a função dos parques está relacionada, diretamente, com a qualidade de vida das populações no entorno e, em alguns casos, a preservação ambiental. Um exemplo de parque urbano é o Parque do Ibirapuera, em São Paulo capital, criado em 1954 e regulamentado pelo Decreto N.º 27.680/89 e tombado como patrimônio histórico e cultural da cidade.
Os parques surgiram no final do século XVIII, na Inglaterra, como um elemento paisagístico importante do meio urbano. Entretanto, se considerarmos a definição anterior de parques como espaço público destinado a recreação, podemos admitir a existência destes desde a Grécia antiga. E olhe que há até quem ouse ir mais longe, à civilização babilônica. Já segundo a primeira definição, da Enciclopédia, que define o parque como uma área “murada ou vedada” podemos dizer que a existência de tais espaços se verifica desde a época medieval quando os nobres cultivavam ao longo de suas propriedades imensos bosques destinados à caça.
Entretanto nestes pontos não há consenso e por isso, costuma-se definir como o parque urbano mais antigo do mundo o Victoria Park, em Londres fundado em 1845. A ele se segue o Birkenhead Park, em Birkenhead, Inglaterra, inaugurado como tal em 1847. Um pouco antes do famoso Central Park (1858). Entretanto, o Boston Common, em Boston (EUA), existe desde 1634, porém, na época ele era utilizado como uma fazenda e chegou até a servir de acampamento militar.
Caroline Faria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário