sábado, 7 de abril de 2012

AGRONEGÓCIO

Agronegócio é um conjunto de atividades que se interelacionam, tendo a agropecuária  como eixo principal no elo produtivo. No agronegócio há o desencadeiamento com fornecedores de máquinas, equipamentos, insumos agrícolas, processo de industrial, distribuição, pesquisa e demais serviços. Abrange toda relação comercial e industrial relacionada com a cadeia de produção do setor agrícola e pecuária. O agronégocio se faz presente no setor primário, secudário e terciário. Envolve toda a cadeia produtiva entre agricultura e pecuária. Divide-se em três etapas:
- Primeira parte : Negócio agropecuário tratado dentro das propriedades dos produtores rurais, constituídos de pessoas físicas ou jurídicas;
- Segunda parte : Negócio referido às indústrias e comércio que vendem e distribuem insumos para os produtores rurais;
- Terceira parte : É venda , compra e transporte de produtos agropecuários até a sua chegada ao consumidor final;
Na terceira parte estão os frigoríficos, as indústrias têxteis, supermercados e demais revendedores. No Brasil, é o segmento da economia que mais produz, mas encontra emprecilhos logísticos para sua expansão, principalmente no setor dos transportes.
Uma das grandes possibilidades do agronegócio no país são os biocombustíveis, proveniente da biomassa, no Brasil, concentrando-se nas plantações de cana-de-açúcar, sendo fonte renovável e alternativa. Há também os óleos vegetais a base de mamona, soja, milho e dendê. O agronegócio brasileiro enfrenta debates sociais e ambientais a respeito da demanda de terra e oportunidade de trabalho no campo.
Fernando Rebouças.


Nenhum comentário:

Postar um comentário