segunda-feira, 7 de março de 2011

DEBATENDO: POLÍTICAS DEMOGRÁFICAS

As políticas demográficas surgem na tentativa dos diferentes países regularem o crescimento da sua população e, dessa forma, minimizarem muitos dos problemas de origem demográfica que actualmente enfrentam.

Politicas antinatalistas
A generalidade dos países em desenvolvimento tem promovido politicas antinatalistas, ao pôr em prática um conjunto de medidas que visam objectivamente reduzir os valores da natalidade e suster a explosão demográfica.
Algumas dessas medidas são meramente informativas ou de incentivo; outras, pelo contrário, são mesmo repressivas ou punitivas.
As medidas informativas ou de incentivo têm-se concretizado sobretudo através de:
-campanhas de informação sobre planeamento familiar;
-divulgação e distribuição gratuita de contraceptivos;
-apelos ao casamento mais tardio;
-benefícios aos casais que tenham apenas um ou dois filhos.
As medidas repressivas ou punitivas têm passado pôr:
-criar dificuldades na aquisição de bens essenciais;
-pôr em prática campanhas de esterilização;

Políticas natalístas
Os países desenvolvidos têm promovido políticas natalístas que contemplam as seguintes medidas:
-aumento do abono de família;
-alargamento da licença de maternidade e paternidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário